Menu

Este site possui coleta de Cookies, os quais são necessários para seu funcionamento e para gerar uma melhor experiência ao usuário. Ao continuar navegando, você concorda com nossos “Termos de Uso” e “Política de Privacidade”.

Filtre os exames utilizando os campos abaixo.

Acilcarnitinas - perfil quantitativo e/ou qualitativo Ataxia Friedreich Ataxias Espinocerebelares (SCAs) BRAF - mutações V600E e V600K Câncer de Mama e Ovários Hereditário: BRCA1 e BRCA2 Cariótipo CGH - Array (Hibridização Genômica Comparativa) Check-up Genético - pré-concepcional Chlamydia Trachomatis - Detecção qualitativa por PCR Citomegalovírus - Detecção qualitativa por PCR Clonalidade Células B Clonalidade Células T Cromossomo Philadelfia (Translocação BCR/ABL) - PCR qualitativa e quantitativa Distrofias Musculares de Duchenne e Becker Doenças Sexualmente Transmissíveis - DST por PCR EGFR - pesquisa de mutações Epstein Barr vírus - Detecção qualitativa por PCR EXOMA Fator V de Leiden - mutação FVR506Q Fibrose Cística Gonococos (Neisseria gonorrhoeae) - Detecção qualitativa por PCR Hemocromatose Hereditária Hemofilia A Hemofilia B Hepatite B - Quantitativo Hepatite B - Qualitativo Hepatite B - Resistência a agentes antivirais por biologia molecular (cada droga) - Mutação YMDD Teste de Resistência a Lamivudi Hepatite C - Qualitativo Hepatite C - Quantitativo HER-2 - Mutação Herpes Vírus tipo 6 - Detecção qualitativa por PCR Herpes Vírus tipo 8 - Detecção qualitativa por PCR Herpes Vírus tipo I e II - Detecção qualitativa por PCR Herpes Vírus Zoster ou Varicela - Detecção qualitativa por PCR HIV - Genotipagem HIV - Qualitativo - Detecção por PCR HIV - Quantitativo HPV Oncoproteínas Virais E6/E7, pesquisa HPV – Detecção e Genotipagem IDH1 - pesquisa de mutação R132H Imunofenotipagem para classificação de leucemias - Citômetro de Fluxo Instabilidade de Microssatélites - MSI Isofocalização de Transferrina JAK 2 - pesquisa da mutação V617F KRAS - pesquisa de mutações Leucemia Mielóide Aguda subtipo M3 - Leucemia promielocítica aguda - translocação PML/RAR t(15;17) Leucemia Mielóide Crônica (Cromossomo Philadelfia) translocação t(9:22) - Translocação BCR-ABL Metilação do gene MGMT Microdeleções do cromossomo Y MTHFR (Methylenetetrahydrofolate) - mutações C677T e A1298C Mycobactéria - Detecção qualitativa por PCR Mycoplasma sp - Detecção qualitativa por PCR NRAS - pesquisa de mutações Painel Câncer Hereditário Painel Craniofaciais e Displasias Esqueléticas / Doenças do Tecido Conectivo Painel de Diabetes Monogênico Painel de Endocrinopatias Neonatais Painel Deficiência Intelectual, Autismo e Distúrbios do Desenvolvimento Painel Síndromes Neuromusculares Pesquisa do SRY - Diagnóstico do sexo genético (masculino) por análise de DNA Poliomavírus (BK) - Detecção qualitativa por PCR Poliomavírus (JC) - Detecção qualitativa por PCR Polipose Adenamatosa Familiar Polipose Adenomatose - pesquisa do gene MUTYH Protrombina - mutação G20210A ROS1 - pesquisa de mutação Rubeola Vírus - Detecção qualitativa por PCR Síndrome de Angelman e de Prader-Willi - detecção de mutação familiar conhecida Encaminhar laudo com a mutação já detectada Síndrome de Lynch - Câncer Colorretal não Poliposo Hereditário (HNPCC) - Instabilidade de Microssatélites Síndrome de Rett – MLPA Síndrome de Rett – sequenciamento gene MECP2 Síndrome do X – Frágil (Southern Blot para meninas e quando inconclusivo o PCR) Síndrome do X – Frágil - (PCR para meninos) - Pesquisa de mutação por expansão de trinucleotideos CGG no gene FMR1 SNP - Array Surdez congênita - mutação 35delG Teste da Bochechinha - triagem neonatal genética Teste Pré-Natal Não Invasivo - com aconselhamento genético Toxoplasmose - Detecção qualitativa por PCR Triagem ampliada para Erros Inatos do Metabolismo (EIM) Triagem Avançada para Erros Inatos do Metabolismo (EIM) Triagem Específica para Mucopolissacaridoses Triagem Orientada para Doenças Lisossômicas de Depósito Tuberculose mycobacter - Detecção qualitativa por PCR Ureaplasma urealyticum - Detecção qualitativa por PCR

COVID – 19 Entenda os testes RT – PCR realizados no Diagnose.

Em decorrência da pandemia pelo Corona vírus (Covid 19), responsável por grande número de infectados pela gripe e por algumas milhares de mortes no mundo todo, o Grupo Diagnose tem buscado se adequar para oferecer soluções para a população caxiense, não apenas na proteção a saúde mas também visando possibilitar a flexibilização de medidas protetivas.

De forma resumida, o período de infecção pelo Covid-19 é de 10 a 14 dias, período no qual 85% das pessoas, apesar de estarem infectadas, não vão apresentar sintomas, enquanto que as restantes 15% apresentarão desde sintomas leves de gripe comum, até sintomas mais graves que podem levar à internação hospitalar e eventualmente à UTI. Após esse período, as pessoas que entrarem em contato com o vírus desenvolverão anticorpos IgG e IgM que conferirão imunidade. Ainda não há estudos clínicos robustos que demonstrem o tempo que esta imunidade irá durar (se alguns meses, alguns anos ou para toda a vida).

Para tanto, em linhas gerais, há 2 tipos de testes de avaliação: o RT-PCR – também conhecido apenas por PCR - para Covid-19, teste “padrão ouro” que detecta a presença de vírus e antes do período de formação de anticorpos e os testes de detecção de anticorpos IgG e IgM, que demonstram, se positivos, que a pessoa já desenvolveu imunidade para o vírus.

O Diagnose Genética e Biologia Molecular é um laboratório especializado, cuja capacidade instalada atual é a realização de 150 exames de PCR para detecção do Covid-19 por dia, com entrega de resultados em 1 dia útil. A metodologia disponível é a mesma utilizada nos LACENs e no CDC dos EUA. O material usado nesse teste é secreção nasofaríngea e orofaríngea, coletada desde os primeiros dias dos sintomas gripais ou após dois dias com contato de pessoa que tenha testado positivo.

Atualmente o teste de RT-PCR – ou PCR - tem sido solicitado para a entrada de viajantes em países estrangeiros. Para mais informações sobre exigências dos países para acesso de brasileiros acesse o link: melhoresdestinos.com.br/brasileiros-podem-viajar.html. Nesse caso, também a validade dos resultados é muito curta e há necessidade de planejamento e marcação do teste com antecedência para ser coletado na véspera da viagem. Para este fim, emitimos laudos em inglês.

No Grupo Diagnose, a unidade Diagnose Gyn oferece testes rápidos (de “fitinha”) para detecção de IgG e IgM (imunidade) e os testes quantitativos, que trazem maior precisão de resultados, principalmente para aqueles pacientes que foram pouco sintomáticos ou até mesmo assintomáticos.

Você pode reservar o seu teste e obter mais informações pelo nosso whats: 54 9 9155.1725. Os testes serão realizados com agendamento prévio.

Marque sua avaliação genética pelos telefones 54 3219.5126 ou 54 3219.5127, ou solicitando pelo formulário abaixo.